quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

SEMENTES QUE GERARAM FRUTOS BONS.

Ao ler este depoimento muito me emocionei. Numa hora como está onde quase desacreditei na força do escotismo e de meu trabalho junto aos jovens, um guerreiro da luz aparece em forma de um antigo escoteiro meu. Agora sim acredito que fiz e continuo fazendo a coisa certa. Muito obrigado meu sempre escoteiro/sênior Marcelo. O Arés foi mais que um grupo pra mim e sim uma familha. Segue o depoimento de Marcelo, um desabafo que está entalado na garganta de muitos outro colegas escotistas.

"Pelo visto, não existe paz nem no belo movimento escoteiro. Pena. Aprendi a ser mais independente, o escotismo me ajudou a suportar alguns conflitos familiares, a criar um caráter. "Uma vez escoteiro, sempre escoteiro", há mais de 10 anos muito me orgulho disso. Prá quem duvida: "Prometo pela minha honra fazer o melhor possível para cumprir meus deveres para com Deus e minha pátria, ajudar o próximo em toda e qualquer ocasião e obedecer à lei do escoteiro". Aliás, esta última ensina que "o escoteiro tem uma só palavra, sua honra vale mais que a própria vida", entre muitas outras coisas. Eu sou escoteiro, embora afastado há uma década, e fico feliz em pensar que um dia voltarei ao movimento. Gostaria que fosse no mesmo grupo que o graaaande Rafael Amorim, que muito me ensinou. Quem sabe?"

Marcelo Schimit

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Depoimento da Fernanda

Eu também fico muito triste com certos comentários a respeito do Chefe BALA. Acho que as pessoas devem olhar para seu próprio umbigo e não querer dar moral de cueca. Além do B.P.e alguns outros chefes (poucos) levam o escotismo tão a sério como o Bala.Fiquei muito triste em não voltar a participar do GESC em 2008,mas as águas correm, tudo passa, fica a saudade de momentos de felicidadee união.O escotismo está se tornando uma competição pelo poder e no que menos se pensa é no jovem. O movimento deve dar exemplo do que é um ser humano bom, que impõe diciplina quando necessário e não dá tudo de mão beijada. Ele deve saber educar e muitas vezes dizer não a certos comportamentos e atitudes dos jovens que no futuro podem levar a frustações. Será que foi por isso que tudo começou? Nem eu , nem o Bala mudamos de opinião em relação aos nossos atos de diciplina e não queremos participar de um clube de camping,queremos proporcionar desafios aos jovens, progressão pessoal.

Tenho uma frase que acredito que se encaixa no que é o movimento hoje: "Disciplina é liberdade, compaixão é fortaleza, ter bondade é ter coragem. Lá em casa tem um poço mas a água é muito limpa."" Há tempos são os jovens que adoecem, há tempos que o encanto está ausente e há ferrugem nos sorrisos e só o acaso estende os braços a quem procura abrigo e proteção."

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Tristeza

Começo esse manifesto tentando fazer algumas pessoas pensar refletir sobre algumas coisas. Sem usar metáforas e historinhas. Serei direto com minhas colocações e pesso que se alguém de fato não se sentir a vontade com elas ou até mesmo desconfortáveis , deixo claro que tudo que eu falar aqui é a respeito do envolvimento de todos com o movimento escoteiro. Não quero atingir as pessoas como pais de familia, cidadãos e trabalhadores.
Em primeiro lugar quero me dirigir aos pais do Grupo Escoteiro Santa Cruz. Quero que façam um esforço de conciência, lembrem das pessoas que no ano de 2007 estavam proporcionando aos filhos de vocês segurança, atividades educativas e de desenvovimento social. Lembrem das pessoas que por muitas vezes escutou o choro dos filhos de vocês com uma dor de barriga ou até mesmo a dor da perda de um ente querido. Das pessoas que dedicaram suas vidas para que, pelo menos no sábado, seus filhos chegassem em casa com um sorriso por ter se divertido e aprendido algo. Ou que chegaram em casa com o beiço no chão mas cientes de que aprenderam mais uma lição de vida e respeito ao próximo.
Lembrem por amor de Deus, daqueles que tentaram mover montanhas para dar a chance à aqueles que pouco tem de participar desse movimento maravilhoso. Quem atravessou fronteiras e oceanos para levar seus filhos para conhecer o mundo. Aqueles que se dedicaram a amar os filhos de vocês com sendo seus de verdade. Aqueles que por tudo isso e muito mais apenas pediram a amizade latente de todos vocês.
LEMBRARAM!
E será que realmente eles pensaram em boicotar o acampamento de final de ano? Ou será que não se sentiram um pouco desconfortáveis com as acusações e desventuras proporcionadas por "colegas" menos preocupados com os jovens e mais preocupados em fazer bonito para o senhores.
Será que essas pessoa que tanto se dedicaram ao desenvolvimento de seus filhos estariam mesmo interessados em abandonar os mesmos no meio de um caminho bonito que estavam traçando juntos? Ou será que essas pessoas sofreram tanto com a indiferênça a qual tanto chefia e tropa estavam passando que resolveram dar um basta nisso em suas vidas e procurar um pouco de paz. Acho que tinhamos direito pelo menos a isso. A final o sentimento de abandono leva a gente a isso.
Quero pensem nisso e por favor que fique bem claro que não estamos procurando vingança ou seja o que for com o ato de abrirmos um novo grupo. queremos sim dar uma nova chance a nossas vidas de poder desenvover o escotismo tal como eu aprendi durante 22 anos de movimento. Gostaria sim que fosse diferente porque quem mais sofreu foi nós mesmos com a separação de pessoas e pessoinhas as quais tanto gostavamos e ainda gostamos. Foi uma intença semana depois do último dia que vi o rostos das nossas crianças e nem se quer pude me despedir direito de todos.
Disseram POR MUITAS VEZES QUE EUESTAVA EXAGERANDO...talvez sim, por isso precisei de um tempo, tempo esse que fez enchergar que não eramos bem vindos no grupo Escoteiro Santa Cruz .
Então é isso meus amigos , realmente não sei quem fez essas colocações tristes acima citados, assim como estão minando a cabecinha de outros com fofocas e boatos.
Para essas pessoas digo apenas que existe um DEUS e no final ele é que vai julgar e disso ...nenhum de nós escapa. Façamos o que é melhor, sejamos vigilantes de nós mesmos.
Para finalizar gostaria de deixar claro as seguintes coisas.

NÃO ... NÃO SAIMOS DO GRUPO PORQUE IRIAMOS EMBORA DE SANTA CRUZ.
SIM...DE FATO SAIU DO GRUPO: EU (BALA), FERNANDA, ANDERSOM POR NÃO MAIS CONCORDAR COM A POLÍTICA IMPOSTA NESTE GRUPO.
SIM...O CELSO SAIU POR MOTIVOS PARTICULARES DELE, E PROVÁVEL QUE VOLTE POR SEU PRÓPRIO JUIZO.
SIM...DECIDIMOS AJUDAR A ABRIR O GRUPO NA LINHA SANTA CRUZ, POIS SENTIMOS QUE APEZAR DA TENTATIVA DELES EM PEDIR AO GRUPO SANTA CRUZ E ATÉ MESMO A MIM NO ANO 2007 PARA JUDAR A ISSO SE REALIZAR NÃO FORAM CORRESPONDIDOS.
SIM...FOI COMUNICADO AO DISTRITO DA ABERTURA DESSE GRUPO OFICIALMENTE NO INDABA DO DIA 13 DE JANEIRO EM VENÂNCIO AIRES, FATO ESSE QUE DEVERIA TER SIDO REGISTRADO EM ATA DO MESMO INDABA , MAS PELO DESCRÉDITO AO MEU COMUNICADO ISSO NÃO SE REALIZOU.
SIM...FOI FORMADA UMA COMIÇÃO ORGANIZADORA (PRIMEIRO PASSO PARA SE ABRIR UM GRUPO) NA COMUNIDADE DA LINHA SANTA CRUZ.
SIM...FOI ENVIADO A UEB RS O PEDIDO DE AUTORIZAÇÃO PROVISÓRIA PARA ATUARMOS COM O GRUPO NO INÍCIO DO MÊS DE ABRIL, DEFINITIVAMENTE.
NÃO...NÃO ESTAVA DE UNIFORME OU MESMO EM ATIVIDADE COM MENORES QUANDO A PRODUÇÃO DE UMA FOTO QUE ILUSTRA MEU BLOGG OU ENDEREÇO DE ORKUT ONDE APAREÇO COM UMA CERVEJA NA MÃO.(que piada)
E SIM...SIM VOU CONTINUAR A SER ESCOTISTA DOA AQUEM DOER!

Agora aos membros escotistas do GESC.

Pesso claramente a diretoria do ano de 2007, que pensem bem nas afirmativas que tem feito a nosso repeito e ao desenvolvimento do Grupo Escoteiro Mclaren. Estamos sendo bastante cuidadosos na abertura deste grupo que deve se tornar um grupo irmão do GESC, todos os trâmites estão sendo bem divulgados a fim de não restar dúvidas. Vocês tiveram a sua chance, agora é minha vez.
Aos escotistas, meus colegas de fato, peço que olhem com carinho e com a chance de renovar a vida escoteira de vocês , para esses irmão mais novos da Linha Santa Cruz. O caminho foi aberto por mim e pela Fernanda mas muito ainda temos a contribuir com essa comunidade que nos recebeu de braços abertos.

Tudo isso escrevo pois chegou a mim comentários insuficiêntes que acredito não mais terem efeitos sobre nossas atitudes de bem fazer o desenvolvimento e crescimento do escotismo no nosso distrito.
Espero terminarmos aqui todas essas coisas e seguirmos numa história que mudará futuro de nossa sociedade onde ainda acredito que possamos coexistir em um mundo sem egos e mais amigos.

"E PRA AQUELE QUE PROVAR QUE ESTOU MENTINDO ...EU TIRO MEU CHAPÉU."

Bala

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Acampamento no "Bostão com Fumaça"

Esses foi um daqueles momentos singulares na vida da gente. Durante o carnaval, fui convidado para participar de uma epopéia com o Mestre Tony do Clâ de Pioneiros Santo Graal. Fomos finalmente acampar na sua "chácara", em lugar ainda secreto, pois não queremos divulgar onde fica pois tememos a depredação de futuros possíveis invasores. É , a coisa está assim, o pessoal descobre o lugar e de repente começam a invasão, deixando para trás seus lixos, e suas marcas na natureza ireverssíveis.
Um lugar selvagem carinhosamente apelidado de "Bostão com Fumaça" nome dado a encruzilhada que leva ao acampamento base. Trilhas com os nomes " índio pelado","óia Aí ó", "linha globeleza" foram batizada por essa expedição de carnaval que contou com a prezença do Milico, o Naza, A Tati e suas amigas, Angela dona da pensão, Rodrigooo, Joãozinho, Dudinha, Bruninha, os 400 do engelmann, Pica Pau, o índio Pelado, o amigo de Puta Alegre, a Mooorrr entre outros foi fielmente patrocinado pela Caninha 7 campos e o Sorvete derretido da rodoviária de Sinimbú.
Aí ó Tony, foi o melhor spa que eu já fui. Nunca ri tanto! Um abração a todos e fiquem com as fotinha.