segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

Reunião cria Comição Organizadora do G.E. McLaren

Na sexta-feira ùltima, dia 25 de Janeiro, foi Plantada a primeira semente do G.E. McLaren. Com imensa satisfação fomos recebidos carinhosamente pelos adultos e jovens da Linha Santa Cruz, na sede do time de futebol do "Linha". Ali começou a se organizar a equipe de adultos que irão colaborar para o fechamento dos próximos passos. Alguns lugares já foram sujeridos para sediar o Grupo Escoteiro, deixando assim mais liberdade em nós escolhermos a modalidade que iremos seguir.
Dentro desta comissão também já está os candidatos a escotistas, antigos irmãos escoteiros e militares irão com certeza somar em muito as atividades.
Com uma seção escoteira pronta, e o mínimo de membros que irão encabeçar a diretoria já pedimos a autorização provisória para UEB.
Esperamos que agora as coisas andem com firmeza, fico muito agradecido aos membros da comunidade da Linha Santa Cruz que mais uma vez mostraram a união da qual faz falta em muitas outras comunidades.
Os"filhos" de Larem, (Significado do nome McLaren) estão nascendo. Levantai os estandartes, soem os tambores e as gaitas, vamos avançar as patrulhas!


Longa Vida ao Clâ MacLaren - SEMPRE ALERTA!



sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Uma justa homenagem

O ano de 2007 para mim como escotista foi um ano terrível, com muita dificuldade de expor meu ideal entre os adultos, escotistas e colegas do movimento. Mostrar que o escotismo é realmente um movimento para todos, com igualdade, fraternidade e principalmente de princípios sérios que fixam nossos valores. Alguns não entenderam, jamais vão entender. A mesquinhez e a falsa pretenção de poder estão acabando como movimento. Mas foi no mais longíncuo dos acampamentos que uma brecha de esperança me encheu o coração e me deu mais um pouquinho de forças para continuar.
O Chefe Maurício, nosso chefe de tropa no JAMBOREE MUNDIAL, foi o exemplo de escotista ao qual já havia me desacostumado pois é difícil de se achar, inteligente, poliglota, educado e sereno salvou a minha pele diversas vezes. Acima de tudo me fez enchergar que, mesmo aos 36 anos, ainda se pode aprender com as outras pessoas. Um verdadeiro escoteiro sem sombra de dúvida, fez juz ao seu legado escoteiro de familha, acredito que seu avô deve estar muito orgulhoso agora.
Uma certa noite me convidou para acompanhá-lo a uma pequena reunião festiva no stand do Brasil, lá haveria um coquitelzinho. Ao chegarmos lá, qual não foi nossa surpresa, já haviam terminado. Vi nossos coordenadors de delegação com a cara cheia discutindo em um canto, no outro um chefe atirado roncando, em uma mesa o coordenador da saída da delegação do campo do Jamboree totalmente enrolado com a lista de tropas.
Ali percebi o quanto seria bom se todos nossos coordenadores fossem um pouco "maurícios", nunca falei isso para o meu chefe de tropa. Talvez no outro dia não teria tido o problema de saída que campo que enfrentamos. Serenamente voltamos para o campo para o nosso Chá das 22:00, o qual já se tornou um hábito meu.
Contando esse pequeno episódio quero deixar claro o quanto devemos nos espelhar em exemplos bons como esse. Se um dia puder mudar algumas coisas, como um grande arquiteto mágico, votaria em caras com o Maurício para o comando de uma delegação desorganizada, futil e as vezes seletista para não dizer desunida. Mas isso é outra história.
Parebéns meu chefe e muito obrigado, espero que um dia possa ser como tú meu amigo. E que existam mais "Maurícios" no moviemnto escoteiro. Sempre Alerta!

terça-feira, 8 de janeiro de 2008

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

VIAGEM AO CENTRO DA TERRA

Aqui estão alguns momentos de minha última jornada. Acompanhado de meus grandes amigos André e o Dr. Paulo Ricardo.
Uma primeira parada em Lajeado no Shopping foi primordial e de prache, para lembrar-mos a nossa primeira ida ao Itaimbézinho a dois anos atrás. Com uma viagem agradável e cheia de lembranças chegamos a Cambará a noite logo em seguida descemos paar Praia Grande , onde a nossa viatura se mostrou realmente valente. A estrada qua se intransponível revela o descaso que o governo do estado tem para com aquela região rica em recursos minerais e turístico.Nossa base foi feita na pousada da dona Alba.
Nodia seguinte engressamos ao Malacara. Com sua picinas naturais e paisagem hinóspita aos nossos pés mas radiante a nossa vontade de superar limites. Conosco o Guia Tarciso e um novo companheiro o Renato de SP.




Olá amigos do Escotismo, aventureiros jovens e velhos, piratas e bucaneiros, desbravadores e afins.

Aqui teremos muitas coisas a respeito da arte ao ar livre, do campismo e da exploração.

Tutoriais de escotismo, a programação do ano no distrito e no mundo.

Acompanhe a seguir a perigosa viagem aos quenions dos aparados da serra. Uma ecitante vigem sem dúvidas para todos.